Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/408
metadata.dc.type: Dissertação
Title: FITONEMATOIDES EM ÁREAS DE CULTIVO DE HORTALIÇAS (RAÍZES, TUBÉRCULOS E FRUTOS) NA REGIÃO DO ALTO URUGUAI CATARINENSE
metadata.dc.creator: SCHNEIDER, PAULO
metadata.dc.contributor.advisor1: SILVA, RODRIGO VIEIRA DA
metadata.dc.description.resumo: A olericultura no estado de Santa Catarina está distribuída em pequenas áreas de terra cuja mão de obra é essencialmente familiar. A produção de hortaliças normalmente é para subsistência, sendo comercializado o excedente produzido. Contudo, a olericultura nesta região representa uma atividade em franca expansão em razão da demanda do mercado consumidor local, que, em grande parte, é suprido pelo Centrais Estaduais de Abastecimento (CEASA) de Curitiba. Entre os agentes biológicos que causam prejuízos nesta atividade, estão os fitonematoides. Não há, na região do Alto Uruguai Catarinense, registros de estudo sobre a ocorrência e a identificação de nematoides associados a hortaliças. Assim, o presente trabalho objetivou fazer um levantamento e uma identificação de gêneros de nematoides em áreas de cultivo de hortaliças (raízes, tubérculos e frutos) na região do Alto Uruguai Catarinense. Foram feitas amostragens em 50 propriedades, no período de setembro de 2017 a abril de 2018, abrangendo 14 municípios: Concórdia, Arabutã, Ipumirim, Lindoia do Sul, Irani, Presidente Castelo Branco, Jaborá, Peritiba, Ipira, Piratuba, Alto Bela Vista, Seara, Itá e Xavantina. Em cada propriedade, foram retiradas de 15 a 20 subamostras para compor uma amostra composta de 500g solo e 100g de raízes. Das amostras, foram extraídos nematoides do solo e das raízes, que foram transferidos para uma lâmina biológica e analisados com o auxílio de um microscópio fotônico. A identificação dos gêneros foi feita com auxílio de uma chave de identificação de fitonematoides. Em todas as amostras, foram encontrados nematoides de vida livre e, em 48 amostras, foram encontrados nematoides fitoparasitas. Os principais gêneros encontrados foram Helicotylenchus com 53,99%, Aphelenchus com 26,76%, Pratylenchus com 8,31% e Hemicycliophora com 6,5%. Valem ser destacadas a alta incidência do gênero Helicotylenchus e a ausência do gênero Meloidogyne. Este estudo contribuiu para o conhecimento da ocorrência e disseminação dos principais gêneros de fitonematoides em hortaliças (raízes, tubérculos e frutos) na região do Alto Uruguai Catarinense. Estas informações servirão de subsídio para manejos mais adequados e eficientes de fitonematoides, além de alertar os horticultores sobre a importância deste verme e para prevenir sua disseminação.
Abstract: ABSTRACT SCHNEIDER, PAULO. Instituto Federal Goiano, (Goiano Federal Institute), Morrinhos Campus, November, 2018. Phytonematodes in areas cultivated with vegetables (roots, tubers and fruit), in the region of Alto Uruguai Catarinense, Brazil. Advisor: Prof. Dr. Silva, Rodrigo Vieira da. Olericulture is distributed in small land areas where labor is mostly familiar. Vegetable production is usually for providing subsistence, and the surplus is commercialized. However, Olericulture in these areas represents a growing activity due to the demand from the local consumer marketplace, which is largely supplied by Centrais Estaduais de Abastecimento [State Supply Centers (CEASA, Brazilian acronym)] in Curitiba City, Brazil. Phytonematodes are among the biological agents that cause loss in this activity. In the Alto Uruguai Catarinense region, there are no records of studies on the occurrence and identification of nematodes related to vegetables. Thus, this study aimed to carry out a survey and identification of nematode genera in vegetable (roots, tubers, and fruit) cultivation area in the Alto Uruguai Catarinense region. Samplings were carried out on fifty farms, comprising fourteen municipalities: (a) Concordia; (b) Arabutã; (c) Ipumirim; (d) Lindoia do Sul; (e) Irani; (f) Presidente Castelo Branco; (g) Jaborá; (h) Peritiba; (i) Ipira; (j) Piratuba; (k) Alto Bela Vista; (l) Seara; (m) Itá; and (n) Xavantina, from September 2017 to April 2018. In each farm, fifteen to twenty subsamples were taken to compose a final sample of 500 g of soil and 100 g of roots. From the samples, nematodes were extracted from soil and roots, moved to a biological slide, and analyzed using a photonic microscope. Identification of the genera was carried out using the phytonematode identification key. Free-living nematodes were found in all samples, and phytoparasite nematodes were found in forty-eight samples. The most important genera found were Helicotylenchus (53.99%), Aphelenchus (26.76%), Pratylenchus (8.31%), and Hemicycliophora (6.5%.) It is worth noting the high incidence of the Helicotylenchus genus and the absence of the Meloidogyne genus. This study provided data to the knowledge of the occurrence and spread of the main genera of phytonematodes in vegetables (roots, tubers, and fruit) in the Alto Uruguai Catarinense region. This data will be usefull to provide subsidy for more appropriate and efficient phytonematodes management, as well as alerting horticulturists to the importance of this worm and preventing its spread.
Keywords: Helicotylenchus
Fitoparasitas
Georreferenciamento
Olericultura
metadata.dc.subject.cnpq: CIENCIAS AGRARIAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Instituto Federal Goiano
metadata.dc.publisher.initials: IF Goiano
metadata.dc.publisher.department: Campus Morrinhos
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Olericultura
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nc/3.0/br/
URI: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/408
Issue Date: 7-Nov-2018
Appears in Collections:Mestrado em Olericultura

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação formato Eletrônico 1.pdf2,9 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons