Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/1744
metadata.dc.type: Dissertação
Title: FILME COM POTENCIAL ATIVO ELABORADO COM MESOCARPO DE PEQUI E INCORPORADO COM EXTRATO DE PRÓPOLIS
metadata.dc.creator: Monteiro, Lilianne Baldoino
metadata.dc.contributor.advisor1: Plácido, Geovana Rocha
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Silva, Marco Antonio Pereira da
metadata.dc.contributor.referee1: Plácido, Geovana Rocha
metadata.dc.contributor.referee2: Egea, Mariana Buranelo
metadata.dc.contributor.referee3: Favareto, Rogério
metadata.dc.contributor.referee4: Megguer, Clarice Aparecida
metadata.dc.description.resumo: O presente estudo surgiu da necessidade de encontrar soluções alternativas para diminuir o impacto da alta quantidade de resíduos plásticos descartados no meio ambiente, podendo utilizar como matéria-prima principal um produto de descarte, a casca do pequi, e assim evidenciar as riquezas do cerrado em suas inúmeras aplicabilidades, além de ser um material que se degrada facilmente no meio ambiente, o que permite dizer que é uma embalagem desenvolvida pensando também no futuro da nação, que gera uma maior quantidade de resíduos. Além do mesocarpo do pequi, o filme produzido é incorporado de extrato etanólico de própolis, o que fortalece o material produzido. O filme tem a função de embalar alimentos, garantindo proteção contra microrganismos e mantendo por mais tempo suas características sensoriais originais. Sendo assim, o objetivo da produção e caracterização das embalagens bioativas é servir como parâmetro para novas formas de produzir plásticos, com a determinação das características qualitativas em relação às análises físico-químicas, mecânicas, propriedades térmicas, de barreira e biodegradabilidade. Em todos os resultados obtidos, foram feitas comparações qualitativas do filme 1 (1,9% de pectina, 0,57% de glicerol e 0,3% de própolis) com o filme 2 (1,6% de pectina, 0,7% de glicerol e 0,6% de própolis), que apresentaram características muito semelhantes quanto a todos os aspectos observados, visto utilizarem em sua composição as mesmas matérias-primas, modificando apenas a quantidade aplicada de cada componente da formulação. Em linhas gerais, os biofilmes 1 e 2 produzidos pelo mesocarpo de pequi e acrescidos de própolis apresentaram boas características quanto à manuseabilidade, uniformidade e ausência de bolhas, porém com alta higroscopicidade e permeabilidade ao vapor de água, limitando sua utilização a produtos com baixa umidade. A coloração dos filmes de pectina do mesocarpo do pequi apresentou-se escura, o que pode favorecer a embalagem de alimentos sensíveis à luz e, assim, conservar suas características por mais tempo. Quanto à biodegradabilidade, o filme aplicado ao solo desapareceu em menos de 48 h, fator positivo no quesito diminuição do impacto do descarte de resíduos.
Abstract: This study came from the need to find alternative solutions to reduce the impact of the high amount of plastic waste discarded in the environment. The pequi peel, which is a disposal product, can be used as the main raw material for packaging, which, besides to being a material easily degradable in the environment, is a packaging developed with the future of the nation in mind, which generates a large amount of waste. Pequi is abundant in the Cerrado (Brazilian Savannah), so, it is possible to highlight the richness of this biome in its many applications. In addition to the pequi mesocarp, the film produced is incorporated with ethanolic extract of propolis, which strengthens the material produced. The film is suitable to packaging food, guaranteeing protection against microorganisms, maintaining its original sensory characteristics for a longer time. Therefore, the production and characterization of bioactive packaging aim to serve as parameters for new ways to produce plastics, determining the qualitative characteristics by analysis of physicalchemical, mechanical, thermal, barrier, and biodegradability properties. In all results obtained, qualitative comparisons carried out about film 1 (1.9% pectin, 0.57% glycerol, and 0.3% propolis) and film 2 (1.6% pectin, 0, 7% glycerol, and 0.6% propolis) showed similar characteristics in all aspects, since they have the same raw materials in their composition, modifying only the applied amount of each formulation component. In general, biofilms 1 and 2 produced with the pequi mesocarp and propolis showed good characteristics related to handling, uniformity, and absence of bubbles, but with high hygroscopicity and water vapor permeability, limiting their use in products with low humidity. The coloring of the pectin films of the pequi mesocarp showed dark, which may favor packaging food sensitive to light and thus being able to retain its characteristics for a longer time. As for biodegradability, the film applied to the soil disappeared in less than 48 h, a positive factor in terms of reducing the impact of waste disposal.
Keywords: Caryocar brasiliense Camb
Biofilme
Pectina
Reaproveitamento
metadata.dc.subject.cnpq: CIENCIAS AGRARIAS
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Instituto Federal Goiano
metadata.dc.publisher.initials: IF Goiano
metadata.dc.publisher.department: Campus Rio Verde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Tecnologia de Alimentos
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
metadata.dc.rights.uri: http://creativecommons.org/licenses/by-nc/3.0/br/
URI: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/1744
Issue Date: 2-Mar-2021
Appears in Collections:Mestrado em Tecnologia de Alimentos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação - Lilianne B Monteiro.pdfDissertação Mestrado - Lilianne Baldoino Monteiro1,69 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons