Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/3302
metadata.dc.type: Dissertação
Title: MAMÍFEROS CARNÍVOROS DAS UNIDADES DE CONSERVAÇÃO DO BRASIL: COMPOSIÇÃO, RIQUEZA E CONSERVAÇÃO
metadata.dc.creator: Bernardes, Patricia Rezende
metadata.dc.contributor.advisor1: Hannibal, Wellington
metadata.dc.description.resumo: A perda de biodiversidade causada por ações antrópicas que levam a degradação ambiental afeta negativamente a manutenção de ecossistemas naturais. A criação das Unidades de Conservação (UCs) é uma das estratégias que tem sido implementadas para mitigação das ações antrópicas que causam danos aos ambientes naturais. Os mamíferos carnívoros são negativamente afetados pela perda de habitat, caça e atropelamento decorrentes do uso e modificação de paisagens, ressaltando a importância das UCs para preservação dessa fauna. Neste estudo, investigou-se se o tamanho da área tem associação com a riqueza e composição de mamíferos carnívoros nas UCs do Brasil. Entre os meses de agosto e dezembro de 2021, foi realizado um levantamento sobre documentos publicados que abordassem temas relacionados aos carnívoros em Unidades de Conservação do Brasil. A busca foi feita por meio da combinação das palavras: mammal*, carnívora, felidae, canidae, mustelidae, mephitidae, procyonidae AND “protected area”, “conservation unit” AND “Cerrado”, “Brazilian Savanna”, “Amazon*”, “Amazon rainforest”, “Wetlands”, “Caatinga”, “Atlantic forest”, “Pampa”. As buscas pelas publicações foram feitas através das bases de dados Web of Science, Scopus e Google Acadêmico, que abrangem os principais artigos publicados no mundo. Encontrando o total de 86 documentos, distribuídos em 73 diferentes UCs, sendo que 49 são UCs de Proteção Integral e 24 são UCs de uso sustentável. Vinte e seis espécies de mamíferos carnívoros (n = 10 ameaçadas de extinção) estiveram presentes nas UCs listadas nesse estudo. O tamanho da UC influenciou apenas a composição de carnívoros, principalmente para aquelas espécies de ocorrência no bioma Amazônico. Futuros estudos que pretendem avaliar o papel do tamanho da área da UC na conservação da biodiversidade devem focar em parâmetros que vão além da riqueza (número de espécies), investigando se outras métricas como a composição, diversidade funcional e filogenética.
Abstract: The biodiversity loss caused by human actions that lead to environmental degradation profoundly affects the natural ecosystems maintenance, then the creation of Conservation Units (CUs) is one of the strategies that have been implemented to mitigate human actions that cause damage to natural environments. Carnivorous mammals are negatively affected by habitat loss, hunting and roadkill resulting from the use and modification of landscapes, which highlights the importance of conservation units. This study was carried out to investigate the importance of Conservation Units in Brazil in the carnivores’ conservation. Between August and December 2021, a survey was carried out on published documents that addressed the topic related to carnivores in Conservation Units in Brazil. The search was performed by combining the words: mammal*, carnivore, felidae, canidae, mustelidae, mephitidae, procyonidae AND “protected area”, “conservation unit” AND “Cerrado”, “Brazilian Savanna”, “Amazon*”, “Amazon rainforest”, “Wetlands”, “Caatinga”, “Atlantic forest”, “Pampa”. The searches for publications were made through the Web of Science, Scopus and Google Scholar databases, which cover the main articles published in the world. All analyzes were performed in the R Program, version 4.0.2 (R Core Team, 2020). A total of 86 documents were found, distributed in 73 different CUs, of which 49 are Integral Protection and 24 are of sustainable use, 16 of these still do not have a management plan. Twenty-six species of carnivorous mammals were present in the CUs listed in this study. The species S. venaticus, C. brachyurus, A. microtis, L. vetulus, L. guttulus, L. wiedii, L. tigrinus, L. geoffroyi, P. onca, H. yagouaroundi and P. brasiliensis that were recorded, are part from the Official List of Endangered Brazilian Fauna. The size of the area did not influence the species richness, but it influenced the composition of mammals.
Keywords: Áreas protegidas
Fragmentação
Mamíferos
Perda de habitat
metadata.dc.subject.cnpq: CIENCIAS BIOLOGICAS::ECOLOGIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Instituto Federal Goiano
metadata.dc.publisher.initials: IF Goiano
metadata.dc.publisher.department: Campus Rio Verde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Biodiversidade e Conservação
metadata.dc.rights: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/3302
Issue Date: 31-Oct-2022
Appears in Collections:Mestrado em Biodiversidade e Conservação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
dissertação_Patricia Rezende Bernardes.pdf2,51 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.