Please use this identifier to cite or link to this item: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/2731
metadata.dc.type: Dissertação
Title: VIABILIDADE ECONÔMICA DE SISTEMA AQUAPÔNICO CULTIVADO COM ALFACE SOB EFEITO DA DENSIDADE DE JUVENIS DE TILÁPIA E VOLUME DE MATERIAL FILTRANTE
metadata.dc.creator: Rezende, Isabel
metadata.dc.contributor.advisor1: Costa, Adriano
metadata.dc.description.resumo: Na agricultura, a aquaponia surge como uma alternativa de redução do impacto ambiental nae produção de alimentos podendo ser implementada no campo e na cidade. A aquaponia é uma atividade integrada que une a aquicultura e a hidroponia. Esta técnica é considerada sustentável, pois a água da aquicultura é utilizada pelas plantas aproveitando os nutrientes disponíveis reduzindo a quantidade de resíduos lançando no ambiente. Esse sistema possui um biofiltro que é colonizado por bactérias nitrificantes que convertem amônia para nitrito e postoriamente para nitrato. Uma das principais vantagens da aquapônico em relação aos sistemas convencionais é o menor volume de água utilizado, pois é realizado por meio de recirculação total. Esse sistema pode ser aplicado em pequena e grande escala, com baixo custo de implementação, permitindo a diversificação da produção de alimentos de origem animal e vegetal. Vários fatores podem afetar a produção na aquaponia entre eles podemos destacar a densidade de estocagem de peixes e o volume do biofiltro. Quanto maior a quantidade de peixes, maior a quantidade de resíduos gerados e nutrientes disponíveis para as plantas, entretanto densidades menores promovem o maior crescimento dos peixes, mas podem não ser suficientes para nutrir as plantas. O volume do biofiltro é extremamente importante para o ciclo do nitrogênio no ambiente aquático, quanto maior o volume do biofiltro melhor será a qualidade de água. Entretanto volumes superdimensionados podem inviabilizar economicamente. O estudo da viabilidade econômica é de extrema importância para avaliar a aplicabilidade do negócio e para projeção de mercado, sendo uma forma de ter maior segurança na implementação do sistema aquapônico para produtores e empresas. O presente trabalho teve com o objetivo avaliar a viabilidade econômica e sistema aquapônico cultivado com alface sob diferentes densidades de tilápia e volume de material filtrante. Foram avaliadas as densidades de 30, 60 e 90 juvenis de tilápias/m3 e os volumes 50 e 70 litros de argila expandida, com três repetições por tratamento, sendo a parcela experimental foi composto por um módulo aquapônico modelo NFT (técnica do fluxo laminar de nutrientes). O NFT foi composto por uma caixa de mil litros para cultivo dos peixes, um decantador de 200 litros, um bilfiltro com capacidade de 200 litros, seis calhas hidropônicas com 9 plantas por calha espaçadas em 20 centímetros e uma bomba modelo SB270 marca Sarlo Better. Os custo de implementação e capital de giro foram levantados após o cultivo de um ciclo de alface e analisados os indicadores econômicos como de fluxo de caixa, Valor Presente Líquido (VPL), Taxa Interna de Retorno(TIR) e Payback, considerando uma taxa de atratividade de 15% ao ano no cenário de cinco anos. Verificou-se que não houve efeito da densidade de estocagem e volume de material filtrante sobre o peso final dos juvenis de tilapias, apresentando o mesmo valor de mercado para todos os tratamentos. Já para as alfaces, verificou-se que preço de venda, as que foram cultivadas em menor densidade de peixe apresentou menor valor de mercado que as demais, não havendo efeito do volume de material filtrante. Esse resultados impactaram diretamente os índices econômicos, sendo verificado que as densidades de 60 a 90 juvenis/m3 apresentaram VPL positivo, TIR maior que a taxa mínima de atratividade de 15% com retorno do capital investido no terceiro ano de cultivo. Já os tratamentos com menores densidades de peixe não foram viáveis com VPL e TIR negativos. Os resultados evidenciam que a aquaponia é uma atividade economicamente viável quando utilizado a densidade de peixes adequada, podendo ser uma alternativa para produção em agricultura urbana.
Abstract: In agriculture, aquaponics emerges as an alternative to reduce the environmental impact in food production and can be implemented in the countryside and in the city. Aquaponics is an integrated activity that unites aquaculture and hydroponics. This technique is considered sustainable, as aquaculture water is used by plants, taking advantage of available nutrients, reducing the amount of waste released into the environment. This system has a biofilter colonized by nitrifying bacteria that convert ammonia to nitrite and subsequently to nitrate. One of the main advantages of aquaponic compared to conventional systems is the lower water volume used, as it is carried out through total recirculation. This system can be applied on a small and large scale, with low implementation costs, allowing the diversification of food production of animal and plant origin. Several factors can affect production in aquaponics, among them are the fish stocking density and the biofilter volume. The greater the number of fish, the greater the amount of waste generated and nutrients available to plants, however lower densities promote greater fish growth, but may not be enough to nourish the plants. The biofilter volume is extremely important for the nitrogen cycle in the aquatic environment, the greater the biofilter volume, the better the water quality. However, oversized volumes can make it economically unfeasible. The economic viability study is extremely important to evaluate the business applicability and for market projection, being a way to have greater security in the aquaponic system implementation for producers and companies. The present work aimed to evaluate the economic viability and aquaponic system cultivated with lettuce under different densities of tilapia and filter material volume. The densities of 30, 60 and 90 juveniles of tilapia/m3 and the volumes of 50 and 70 liters of expanded clay were evaluated, with three replications per treatment. The NFT consisted of a 1,000 liter box for fish cultivation, a 200 liter decanter, a 200 liter bifilter, six hydroponic troughs with 9 plants per trough spaced 20 centimeters apart and a pump model SB270 brand Sarlo Better. The implementation costs and working capital were raised after growing a lettuce cycle and analyzed economic indicators such as cash flow, Net Present Value (NPV), Internal Rate of Return (IRR) and Payback, considering a rate of attractiveness of 15% per year in the five-year scenario. It was found that there was no effect of stocking density and ilter material volume on the juvenile tilapia final weight, with the same market value for all treatments. As for lettuces, it was found that the selling price, those that were grown in a lower density of fish had a lower market value than the others, with no effect of the filter material volume. These results had a direct impact on the economic indices, and it was verified that the densities of 60 to 90 juveniles/m3 presented positive NPV, IRR greater than the minimum rate of attractiveness of 15% with return on capital invested in the third year of cultivation. On the other hand, treatments with lower fish densities were not viable with negative NPV and IRR. The results show that aquaponics is an economically viable activity when using adequate fish density, and may be an alternative for urban agriculture production.
Keywords: Aquicultura
Hortaliças
Investimento
Produção
Sustentabilidade
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::ZOOTECNIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Instituto Federal Goiano
metadata.dc.publisher.initials: IF Goiano
metadata.dc.publisher.department: Campus Rio Verde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Zootecnia
metadata.dc.rights: Acesso Embargado
URI: https://repositorio.ifgoiano.edu.br/handle/prefix/2731
Issue Date: 25-Jun-2021
Appears in Collections:Mestrado em Zootecnia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Isabel Rodrigues de Rezende .pdf4,67 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.